SARAU PSG 24 ANOS - TERÇA 14 DE NOVEMBRO


Um comentário:

Versos diversos disse...

Ajude-nos,nessa luta.

*A PEDRA DE BENDEGO*

O que é?
É um meteorito que caiu na região de Monte Santo no sertão da Bahia(sem especificação de data) e foi encontrada em 1784, (portanto a 233 anos atrás)por um garoto de 14 anos, chamado de Domingos da Motta Botelho, que pastoreava o gado do seu pai, as margens do rio Vaza barris.
O Sr.Joaquim da Motta Botelho, após tomar ciência do fato, avisa as autoridades do então Governador, Dom Rodrigo José Menezes.

Eles achavam(pelo tamanho do artefato) que no interior da mesma existia algum metal precioso, como ouro ou prata.
A PEDRA DE BENDEGÓ (Como é chamada pelo sertanejo) é o maior meteorito já caído no Brasil e ocupa a 16a.posição entre as chamadas massa de ferro e níquel de origem espacial do mundo.

1888 "após a frustrada tentativa de leva-la em 1785", ela chega ao Rio de Janeiro sendo recebida pela princesa Isabel,que faz a entrega ao arsenal da marinha.
Hoje,a pedra encontra-se sob a guarda e proteção do Museu Nacional, na quinta da boa vista, recepcionando há 129 anos, visitantes do mundo inteiro, enquanto o nosso povo sertanejo (já carente de tantas coisas que lhes são tiradas) tem como CONSOLO as réplicas da pedra, e não é contemplada com a verdadeira que enche (LA NO RIO DE JANEIRO), os olhos de turistas, historiadores, pesquisadores, doutores e visitantes de toda parte do planeta.

Após sete tentativas, conseguiram conduzir a pedra sem o consentimento do povo a época, que teve o seu *AMULETO* tirado daqui por ordem do imperador D.Pedro II.

No local onde foi encontrado o meteorito,foi construído um Marco, e batizaram-no de D.Pedro II.

Após um ano que levaram a pedra, veio a forte seca castigando o sertão, e o sertanejo atribuiu esse CASTIGO, a falta da pedra que eles tinham (E AINDA TEM) como um objeto sagrado, e por revolta, destruiram o marco ali erigido em homenagem ao Imperador.

A pedra pertence ao povo sertanejo, que espera que as autoridades ou órgãos competentes acatem a vontade desse povo, que se sente lesado pela falta do meteorito ao sertão nordestino.

A pedra já ficou exposta por muitos anos no Museu Nacional, dando visibilidade, admiração e renda aos administradores do mesmo.
Queremos o que é nosso, e que o Museu Nacional banque e assuma todo e qualquer custo de transporte, segurança e colocação da mesma em solo do Estado baiano, como reparação por ter tirado do nosso povo a nossa pedra, também chamada de CUITÁ.

Essa reintegração de posse, é um direito do povo, é uma solicitação que já se arrasta há tempos.

Hoje, com o apoio do Conselho Estadual de Cultura, e de vários órgãos da sociedade Civil, publica e privada da Bahia e do Brasil, nós exigimos o retorno imediato da pedra de bendegó, para a Bahia, pois ela é um patrimônio histórico do nosso Estado e da nossa gente.


Viralizem pra sua cidade, pro nosso Estado,pro nosso país e pro mundo inteiro.

Faça parte do grupo no face:

A PEDRA DE BENDEGÓ É NOSSA.

ASSINE A PETIÇÃO E SEJA NOSSO PARCEIRO NESSA LUTA.

Carlos Silva
-------------------------------------------
Conselheiro Estadual de Cultura da Bahia.